Cancelar um serviço no Brasil não é tarefa fácil. Quem já passou pela experiência sabe que não é moleza, especialmente quando se trata de seguradoras tradicionais e arcaicas.

Você liga para um número de 4 dígitos estranho. Cai em um atendente automático, e fica pelos próximos 5 minutos apertando números que não te levam a um atendente de verdade. 

Até que, "ufa", enfim, um ser humano para te atender. Mas, calma, você ainda terá que ficar em espera pelos próximos 20 minutos, enquanto repassam  a sua ligação de um atendente para outro, em um verdadeiro e irritante ping-pong.

O jogo virou para melhor, pois cancelar um serviço já não leva horas, nem exige jingles e musiquinhas supostamente agradáveis no seu telefone.

Cancelamento automático por tipos de seguro de vida

Em tese, o cancelamento do seguro pode ser feito a qualquer momento pelo segurado ou pela empresa contratada.

No caso da prestadora de serviço, o seguro pode ser cancelado por omissão de dados, fraude ou não pagamento das mensalidades — os chamados prêmios.

Mas existem outros cenários possíveis.

Doenças Graves e Seguro Invalidez

Além do pedido de cancelamento ou de não pagamento pelo segurado, o seguro doenças graves e seguro invalidez também são cancelados a partir do momento que toda a cobertura foi paga ao segurado.

Seguro de vida 

O seguro de vida é cancelado em virtude da morte do segurado, além da solicitação do cancelamento pelo segurado ou do pagamento de 100% da indenização.

Documentos para cancelar seu seguro de forma proativa

Após entrar em contato com a sua seguradora para solicitar o cancelamento do seu seguro, geralmente basta ter em mãos o seu CPF e a apólice que você contratou. 

Lembramos que apenas o titular do seguro pode cancelar o serviço, então é importante comprovar que você é o segurado.

Devolução de pagamento ao cancelar o seguro de vida

Ao cancelar o seguro de vida por solicitação própria ou por falta de pagamento das mensalidades, o dinheiro dos pagamentos anteriores não são devolvidos ao segurado, exceto em seguros com algum tipo de rendimento ou resgatável - confira suas carências nesse momento.

Em seguros temporários tradicionais, a principal razão do dinheiro não retornar para o segurado é que nos meses em que foram pagos os prêmios do seguro, a apólice estava ativa e pronta para dar cobertura aos beneficiários caso algo acontecesse com o titular.

Quando devo cancelar meu seguro de vida?

O seguro de vida é fundamental enquanto você tiver alguém que dependa da sua renda ou, claro, se você desejar garantir a proteção financeira de alguém amado ou até mesmo de uma empresa que você construiu.

Agora, se tudo está nos eixos com quem você ama e não existe ninguém que dependa da sua renda, talvez seja o momento de cancelar o seu seguro de vida. 

Mas ressaltamos: abra mão do seguro de vida apenas se você não tiver ninguém com quem se preocupar. Ninguém quer acordar no meio da madrugada preocupado com o futuro financeiro de quem ama.