Seguro de vida não é investimento por diversas razões. Dentre os motivos que não são financeiros, o principal é a incerteza de quando e onde a morte chegará para cada um de nós.

O momento do falecimento do segurado – ao qual chamamos sinistro – pode até ser incerto, porém, assim como a morte é coisa certa, o pagamento da indenização do seguro de vida e o seu valor também são — quer dizer, para a gente é.

Ao valor máximo de indenização, cuja responsabilidade é apenas da Seguradora, chamamos de Capital Segurado. Ou seja, o dinheiro total que o segurado sinistrado – que faleceu – contratou para prover proteção financeira às pessoas amadas na condição de beneficiários. 

O que é capital segurado? 

O Capital Segurado é o valor total estipulado e confirmado pela apólice no ato de contratação do seguro.

Seja qual for o tipo de seguro de vida, o capital segurado é o valor máximo possível de pagamento pela Seguradora ao segurado ou aos beneficiários.

Dependendo do tipo de cobertura acionada e das combinações feitas durante a contratação, você poderá receber a indenização correspondente ao valor integral ou uma porcentagem do seu capital segurado.

Como calcular o valor do capital segurado? 

A principal variante do valor do capital segurado é o tipo seguro e o número de coberturas contratadas.

Mas, em geral, o valor é definido a partir dos seguintes dados pessoais do segurado:

  • idade
  • peso
  • profissão
  • estilo de vida
  • condições atuais de saúde

Na Azos, o valor da cobertura é também proporcional a quantia que você deseja pagar como prêmio. Já que com a gente o seguro de vida é pensado para caber no seu bolso e proporcionar a proteção que você e sua família precisam.

Saiba mais sobre como calcular o capital segurado aqui.

Converse com um especialista! Agende uma conversa sobre seguro de vida

Como é feito o pagamento desse capital? 

O pagamento do capital segurado ou da indenização do seguro é feito pela Seguradora aos beneficiários da apólice mediante apresentação de documentação. 

A empresa, quando ocorrido o sinistro – morte, doença grave ou invalidez, a depender do tipo de seguro contratado – após comprovado o acontecimento, paga ao beneficiário o valor correspondente ao sinistro contratado pelo titular da apólice.

No entanto, o seguro de vida invalidez, por exemplo, possui outros parâmetros de cálculo da indenização a ser paga, pois depende do grau da invalidez da tabela determinada nas Condições Gerais da seguradora.

Como requisitar o pagamento do capital segurado

O beneficiário ou o titular deve procurar a seguradora, com um prazo limite de 3 anos a contar a partir da data do sinistro, para solicitar a lista de documentos para dar continuidade à regularização.

O mercado de seguros, infelizmente apegado aos seus protocolos, entende ainda hoje que a requisição do pagamento deve ser feita pelo beneficiário e ponto. Quer dizer, se o pedido de pagamento não for feito nada acontece.

Imagine só, você paga os prêmios em dia para, no fim, a seguradora apenas lavar as mãos. Mas, com a Azos a coisa mudou por aqui.

Aliás, mudou de duas formas. Hoje, você pode contar com seguro que te oferece um Guardião e um sistema de rastreamento de sinistros integrado à base de dados da Receita Federal.

O Guardião é a pessoa de confiança, escolhida pelo segurado, para avisar a família e beneficiários da existência da apólice de seguro de vida para garantir que os entes queridos recebam aquilo que lhes é de direito.

Já o checklist de óbitos é integrado à base de dados da Receita Federal. Trata-se de um sistema desenvolvido pela própria Azos para tornar infalível o pagamento da indenização, contratada por você, à sua família. Identificada a baixa do CPF do segurado, a Azos entra em contato via dados cadastrais para seguir com a ocorrência.

De uma forma ou de outra, a proteção financeira dos seus beneficiários será garantida. Quando se trata de proteger as pessoas que você ama, com a Azos não há vista grossa, muito menos disse-me-disse. 

A importância de uma boa seguradora para seu seguro de vida!

Ter ao seu lado uma Seguradora de confiança e comprometida com a proteção financeira das pessoas que você ama é fundamental. 

Esse papo pode até parecer chá de camomila, mas é fato que até o momento de chegada da Azos no Brasil, o mercado de seguro de vidas não estava muito interessado em implementar dispositivos que garantissem a facilidade de contratação da apólice de seguro de vida, o pagamento dos prêmios e, principalmente, o recebimento da indenização pelos beneficiários.

Com a Azos isso mudou e finalmente você pode ter o seguro para a sua vida e sem sair de casa.

Seja por telefone, simulador ou vídeo conferência, você pode ter um seguro de vida sem precisar de papelada, enfrentar filas e, o melhor, por um preço que cabe no seu bolso.

Ao contrário de seguros que gostam de colocar todo tipo de cobertura em um saco só, encarecendo os prêmios, a Azos oferece a você a proteção que você julgar mais adequada para o seu estilo de vida.

Além disso, você pode personalizar o valor da cobertura e do prêmio, sem se preocupar com taxas e multas por atraso. Isso mesmo, nós não estamos interessados em cobrar juros de mora a cada prêmio atrasado. Se ele atrasou e você não pagou, é porque o seguro não é interessante para você, e está tudo bem.

Mais importante do que isso, é a garantia de que os sonhos das pessoas que você ama ou de que elas possam ter a opção de escolher qual caminho seguir estará garantido.

Seus entes queridos terão ao lado a confiança do Guardião e o nosso sistema integrado à Receita Federal para avisar, caso algo aconteça com você, de que você providenciou proteção financeira para eles e, assim, continuar ajudando quem você ama, mesmo ausente.

Isso, sim, é seguro de vida!